Departamento de Segurança Pública

Ilumina Empresa Jr.

 

 

Com o objetivo de criar um espaço de qualificação, no ambiente da universidade, de futuros profissionais para atuarem no campo da segurança pública e da justiça criminal, de modo que seu trabalho possa produzir conhecimento aplicado e subsidiar tomadores de decisão neste campo nasceu a “Ilumina – Estratégia e Inovação em Segurança Pública”. Fundada em 05 de maio de 2016, a empresa jr foi uma iniciativa do aluno Paulo Junior com seus colegas de turma da quarta formação (2013.2) em Segurança Pública e Social da UFF.
Cabe destacar que os valores que informam o trabalho da Ilumina são subordinados e convergentes aos objetivos presentes no Projeto Político Pedagógico do Curso de Bacharelado em Segurança Pública e Social, que representa um curso de graduação de caráter multidisciplinar construído na perspectiva das Ciências Humanas, Sociais e Sociais Aplicadas. O conteúdo do curso está baseado no levantamento, sistematização e análise de resultados de pesquisas empíricas, bibliográficas e arquivísticas e de currículos de cursos oferecidos em diferentes níveis em instituições nacionais e internacionais na área, bem como na experiência acumulada de professores e alunos em atividades de pesquisa e de ensino na área da Segurança Pública e Social e da Justiça Criminal, em uma perspectiva comparada e multidisciplinar.

Os objetivos do curso de Segurança Pública da UFF e os objetivos da Ilumina apresentam-se como convergentes. São eles:

1) Propiciar a formação de profissionais capazes de atuar na área da Segurança Pública e Social, entendida aqui como um conjunto de conteúdos voltados para a análise de reflexões e práticas que se ocupem do estudo dos processos institucionais de administração de conflitos, da violência e da criminalidade em suas diferentes matizes;
2) Possibilitar ao profissional indagar sobre as causas e impactos dos fenômenos da violência sobre um determinado coletivo social ou conjunto de segmentos de uma sociedade, produzindo entendimentos específicos que direcionem políticas públicas na área;
3) Concorrer para uma compreensão, por parte dos graduados, das formas de organização das agências instituídas para lidar com os temas da prevenção da violência e da criminalidade, como também da promoção da justiça, visando desenvolver políticas públicas de segurança;
4) Promover, baseado nas informações disponíveis sobre o tema, o desenvolvimento pelos profissionais formados de ferramentais teóricos e práticos que busquem a promoção de melhores taxas de previsibilidade, em função da ocorrência da violência e da criminalidade, em favor dos trajetos dos indivíduos em variados contextos sociais, seja nas esferas nacionais, estaduais ou municipais.

 

Atividades realizadas pela Ilumina

A primeira atividade da Ilumina foi realizada em julho de 2016 a partir da identificação de um problema localizado nos arredores dos campi da UFF. Neste período, estudantes da Universidade Federal Fluminense que frequentam os campi instalados no bairro do Ingá (na cidade de Niterói), começaram a denunciar, através dos meios de comunicação virtuais, como redes sociais “facebook” e “whats app”, ocorrências de crimes como roubos e tentativas de estupro. A região, apelidada pelos alunos de “rua do perdeu”, ou “região do perdeu”, ou ainda, “quarteirão do perdeu”, passou a ser objeto de preocupação da Ilumina e de outros coletivos, como os diretórios acadêmicos do curso de graduação em segurança pública e social e do curso de graduação em direito.

Foram semanas de relatos frequentes por parte, sobretudo, de mulheres. Havia principalmente entre os estudantes um sentimento não apenas de insegurança, mas também de abandono por parte do Estado, pois, muitas vezes, ao solicitarem providências das instituições de segurança pública – especialmente das polícias – era comum ouvirem como resposta de que tal problema não era reconhecido em virtude da subnotificação desses registros. Ou seja, como as vítimas não registravam as ocorrências relatadas, a posição das autoridades públicas era de que sem a denúncia formal não seria possível tomar alguma medida diante do problema relatado. Assim, reconhecendo a importância do problema e com o objetivo de construir uma visibilidade pública sobre os relatos de violência ouvidos, o primeiro trabalho da Ilumina foi o lançamento da Campanha “Não dê vacilo, faça o registro!”. Esta consistiu nas seguintes atividades: 1) elaboração de um panfleto com o objetivo de sensibilizar a população sobre a importância do registro e disponibilizando telefones de emergência de órgãos públicos; 2) distribuição do material em conjunto com o coletivo de estudantes da UFF chamado “Ingájadas”, que produziu toda a mobilização da campanha e realizou um manifesto durante este período; 3) elaboração de um questionário virtual e sua disponibilização na própria página da Ilumina, para registro das situações de violência ocorridas na região, com o objetivo de construir um banco de dados de situações de violência na “região do perdeu”, e permitir a produção de informação qualificada sobre o problema. Tal questionário virtual ainda se encontra disponível e colhe informações sobre o perfil das vítimas (como cor, idade, sexo, local e horário onde ocorreu o fato e sua dinâmica). A sistematização das informações presentes nesse banco de dados permitirá a produção de um relatório trazendo informações sobre o perfil das vítimas, horários de maior incidência de crimes na região, dentre outras informações, que podem vir a informar melhor as autoridades públicas sobre o problema, para além dos registros que chegam ao conhecimento das polícias. Além disso, a partir dos dados coletados, será produzido um mapa georreferenciado – Mapa do Perdeu – identificando os locais de maior risco. A campanha foi objeto de matéria de jornal no veículo O Fluminense, de Niterói,

Como segunda atividade, a Ilumina integrou uma grande articulação durante a campanha eleitoral para prefeitura de Niterói em 2016. A ação foi articulada pela Casa Fluminense e consistiu na reunião de movimentos e instituições da sociedade civil de Niterói com o objetivo de apresentar propostas de solução para o problema da segurança pública aos candidatos a prefeito e a vereador por meio da elaboração e entrega de um Carta Compromisso de segurança. A Ilumina participou dessa articulação apresentando as seguintes proposições: implicar a comunidade na gestão da segurança pública; privilegiar a ação preventiva; e valorizar a transparência da execução da política pública de segurança. O evento de apresentação das propostas reuniu diversas autoridades e organizações sociais da cidade, permitindo dar conhecimento e visibilidade ao trabalho da Ilumina. Como estratégia de comunicação, além da página do Facebook, a Ilumina elaborou um informativo para ser distribuído a todos os interessados em conhecer melhor seu trabalho.

Finalmente, está em curso uma pesquisa intitulada “Diagnóstico e Plano de Segurança Pública para a Rua do Perdeu: proposta de melhoria de segurança na região”, que visa a produção de um diagnóstico dos principais problemas causadores de insegurança nesse perímetro. Para tanto, como metodologia a ser empregada planeja-se, dentre outras atividades, a realização de uma pesquisa de vitimização (survey). Como resultado principal vislumbra-se a elaboração de um plano local de segurança pública para o “Quarteirão do Perdeu”. A pesquisa foi iniciada em 2016 e conta com o apoio de uma bolsa de inovação fomentada pela Agência de Inovação (AGIR) da UFF.

 

A equipe

 

Atualmente a equipe é formada pelos membros: Paulo Junior (presidente); Pedro Henrique (coordenador de projetos); Duane Moreno (coordenadora do financeiro); Pedro Morais (coordenador do financeiro); Gustavo Martins (coordenador de marketing); Giovanna Maia (coordenadora de marketing). Como professoras orientadoras a Ilumina conta com as professoras Luciane Patrício e Klarissa Platero.

 

Meios de contato

Página do facebook: www.facebook.com/iluminauff

Email: iluminauff@gmail.com

Site: tinyurl.com/iluminauff

 

 

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Estágio Supervisionado

Estágio Supervisionado

Prezados (as) alunos (as), Em reunião do Colegiado do Curso de Graduação em Segurança Pública do [...]
Pós-Graduação Lato Sensu

Pós-Graduação Lato Sensu

cvcccc[...]
No thumbnail available

Inscrição de Disciplina

Conforme calendário escolar da UFF em 2016: a inscrição online de alunos regulares da UFF ocorre[...]